cartaz divulgacao

Curso Ativismo Criativo – Módulo I
29 julho a 2 de Agosto

No atual contexto de revoluções e revoltas como a Primavera Árabe, sildenafil o movimento Occupy (as Acampadas), capsule a queda de ditaduras em diversos países, there assim como as lutas locais aqui no Brasil, tem-se observado uma série de manifestações que usaram da criatividade não só como um instrumento para um protesto político, como foram além, e compreenderam o processo criativo como um elemento indissociável da vida em comunidade.

O seguinte curso, organizado pelo Coletivo de arte-ativista “Aparecidos Políticos”, tem como objetivo lecionar, gratuitamente, aulas sobre a relação entre arte e ativismo político para movimentos sociais, militantes, artistas, coletivos, jovens de periferia, educadores, estudantes,etc. A ideia é que o curso seja uma maneira de apresentar algumas experiências de Ativismo Criativo no intuito de possibilitar a criação de formas de intervenção artística ou manifestação política afim de convergi-las com as lutas sociais locais; como também aprofundar algumas práticas já em desenvolvimento, atentando para os riscos de não sobrepujar a arte à política e vice-versa.

O que é Ativismo Criativo?
É um termo em construção: traz uma tradição de lutas que vem desde a modernidade (Coubert, Breton, por exemplo), passando pelas lutas das décadas de 60 até chegar a atualidade. Envolve proposições artísticas, mas também extrapola o campo da arte ao mesclar com outras questões como a propriedade intelectual e o cyberativismo.
O ativismo criativo relaciona-se com o conceito do filósofo Jacques Rancière de “Partilha do Sensível”. Esse conceito descreve a formação da comunidade política com base no encontro discordante das percepções individuais. A política, para o filósofo, é essencialmente estética, ou seja, está fundada sobre o mundo sensível, assim como a expressão artística. Por isso, um regime político só pode ser democrático se incentivar a multiplicidade de manifestações dentro da comunidade.

Programa do Módulo I do Curso:

SEG – 18h – 21h30
Apresentação do Curso e Introdução ao Ativismo Criativo

[Apresentação de exemplos: Yes Men, Comunicação-Guerrilha, Grupo de Arte Callejero, Adbusters, Como Acabar com El Mal, Carlos Latuff, Cordão da Mentira,  Frente 3 de Fevereiro, GIA]

TER – 18h – 21h30
Desobediência Civil e Ação Direta – O Direito à resistência na arte e ativismo

QUA – 18h – 21h30
Ações performáticas feministas

[Pussy Riot, Guerrilla Girls, Women Artists in Revolution, Coletivo Pare, Mujeres Públicas, Marcha Mundial das Mulheres]

QUI – 18h – 21h30
Arte Mural com Oficina de Stencil
[Muralismo Mexicano, Brigada Muralista Chilena, Muralha Rubro Negra (Porto Alegre), Mural de Cândido Portinari, Banksy, Comando Creativo (Venezuela), Kidult, Fratura Exposta]

SEX – 18h – 21h30
Possibilidades de Ativismo Criativo nas lutas de Fortaleza (participação de artistas, coletivos e movimentos sociais locais)

Inscrição GRATUITA:
Enviar email com nome e contato para alexzapa@riseup.net ou para nosso Perfil no Facebook ATÉ dia 26 de julho.

Novo Local:  Instituto de Cultura e Arte da UFC, na Av. Carapinina, número 1615 (Benfica). SALA de AULA 29.

Vagas: Limitadas devido ao espaço.

Sobre os facilitadores do curso:
O coletivo Aparecidos Políticos é um grupo de artistas ativistas que, desde outubro de 2010, realizam intervenções urbanas enfatizando a relação entre arte e política, na cidade de Fortaleza. Ao priorizarem ações voltadas à memória dos mais de trezentos mortos e desaparecidos políticos da Ditadura civil-militar no Brasil (1964-1985) inventam outros modos de resistir propondo o rebatismo de espaços públicos que ainda carregam nomes de ditadores; a fixação de cartazes com as fotos dos desaparecidos; a abertura dos arquivos e, mais recentemente, a articulação desses temas com a democratização dos meios de comunicação por meio de experimentos com a linguagem da rádio, mais precisamente, a Zuada Rádio Livre.

Imagens: Comando Creativo

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.